AJUDE ESSA OBRA


CONFISSÃO ESPIRITUAL



CONFISSÃO ESPIRITUAL


1 - Oração inicial

Irmãos e irmãs: o pecado nos separa de Deus.
Quando pecamos ofendemos ao Senhor que nos ama tanto e que tanto nos cumula de graças.

A vida sem Deus é vazia, triste, escura.
A vida com Deus é sempre repleta de graças e caminho para nossa salvação.

Por isso estamos aqui para fazer a confissão espiritual.
Vamos pedir perdão por nossos pecados e nos reconciliar com Deus.

Iniciemos nossa confissão espiritual pedindo ao Espírito Santo que nos ilumine para que possamos ver todas as vezes que ofendemos à Deus, e possamos nos arrepender sinceramente de ter pecado contra Ele.

Rezemos a oração do Espírito Santo:

Vinde, Espírito Santo, e enchei os corações dos vossos fiéis, e acendei neles o fogo do vosso amor.
Enviai, Senhor o vosso Espírito, e tudo será Criado, e renovareis a face da terra.
Ó Deus, que instruístes os vossos fiéis, com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas, e gozemos sempre da sua consolação, por Cristo, Senhor nosso, Amém.


2 – Evangelho

Vamos ouvir agora o Evangelho.

O Senhor esteja conosco...
Ele está no meio de nós

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas…
- Glória a Vós, Senhor.

A passagem do Evangelho de hoje está em São Lucas, capítulo XVIII, versículos de 9 à 14.

Naquele tempo Jesus contou esta parábola à uns, que confiavam em si mesmos como se fossem justos, e desprezavam aos outros.
Disse Jesus:
- Subiram dois homens ao Templo para fazer a oração: um Fariseu, e um Publicano.
O Fariseu posto em pé, orava no seu interior desta forma:
- Graças te dou, meu Deus,porque não sou como os demais homens, que são uns ladrões, uns injustos, uns adúlteros: como é também este Publicano. Jejuo duas vezes na semana; pago o dizimo de tudo o que tenho.
O Publicano, pelo contrário, posto lá de longe,não ousava nem levantar os olhos ao Céu; mas batia no peito dizendo:
- Meu Deus, sê propicio a mim que sou pecador.
Digo-vos que este voltou justificado para sua casa,e não o outro: porque todo o que se exalta, será humilhado:e todo o que se humilha, será exaltado.

Palavra da salvação… Glória à Vós Senhor.


3 – reflexão do Evangelho

Deus vê o coração. E viu o coração arrogante do fariseu – um homem que aparentemente seguia a Lei com rigor.
Ele se apresenta à Deus com soberba – e não é perdoado.

Deus também viu o coração do publicano, humilhado por suas faltas, arrependido dos seus pecados.
O Senhor teve compaixão do publicano e perdoou os seus pecados.

Por isso, irmãos e irmãs, façamos uma confissão sincera hoje.
Vamos assumir perante Deus os nossos pecados, as nossas culpas.
Não vamos nos dar desculpas dizendo “ah, mas eu fiz isso porque fulano ou fulana me provocou”…
Se você cometeu um pecado você ofendeu à Deus.

Por isso façamos um exame de consciência profundo, honesto, abrindo a alma para Jesus.
Vamos nos arrepender de cada pecado, inclusive aqueles que você não se lembra mais, ou que nem sabe que fez – mas que ofendeu tanto o Senhor que nos ama muito.
4 – Exame de consciência

Primeiro vamos examinar nossa consciência.
Vamos examinar nossa vida desde a última confissão que fizemos.

A confissão é pessoal. Não é necessário você acusar seus pecados escrevendo no chat.

Vamos pedir a ajuda do nosso Anjo da Guarda, que está sempre conosco e que conhece nossos pecados, para que ele nos ajude a nos lembrarmos de todos eles para que possamos nos arrepender.

Meu Anjo da Guarda: nesse momento em que eu procuro me reconciliar com Deus peço sua ajuda para bem examinar minha consciência e me arrepender de todos os meus pecados.
Ajudai-me a ver o meu coração como Deus vê. Amém.”

E agora eu vou ler uma lista sobre os pecados que normalmente cometemos para você refletir.
Não quer dizer que só o que está nessa lista é pecado – e que não há outros.
Essa lista é um ponto de partida para seu exame de consciência.

Então faça seu exame de consciência enquanto eu leio a lista. Se aparecer outros pecados que estão na sua consciência, ou que o Senhor vai lhe mostrar na hora, arrependa-se também.

(música)

· 1º Amar a Deus sobre todas as coisas:
Neguei a fé? Duvidei da existência de Deus? Escarneci da religião? Deixei de rezar por muito tempo? Declarei que o matrimônio, o sacerdócio, a confissão, a missa estão ultrapassados?

· 2º Não tomar o seu Santo Nome em vão:
Cantei músicas blasfemas? Acusei Deus de injusto? Roguei pragas? Contei piadas em que Deus aparece como personagem, rindo dEle? Jurei em falso, ou à toa?

· 3º Guardar os dias santos:
Fiz trabalhos que não eram essenciais nesses dias com objetivo de lucro? Trabalhei ou mandei trabalhar nos domingos ou dias de guarda?
Passei o Domingo na frente da televisão, na internet ou em coisas que me afastam de Deus? Dediquei uma parte do meu tempo a Deus, lendo a Bíblia e rezando?

· 4º Honrar pai e mãe:
Fui desobediente aos pais? Desejei-lhes algum mal? Obedeci-lhes em coisas contrárias à lei de Deus? Negligenciei como pai e mãe ou irmão mais velho, os deveres de educação e instrução religiosa?

· 5º Não matar:
Tive ódio? Recusei o perdão a quem me pediu? Desejei a morte para mim ou para outros? Ensinei a praticar pecados? Seduzi alguém ao pecado? Defendi o assassínio de bebês através do aborto? Desejei a guerra, ou me entusiasmei por ela? Falei que "a terra tá cheia demais, e precisa mesmo morrer gente"?

· 6º Guardar a castidade; e 9º Não cobiçar a mulher (ou marido) do próximo:
Tenho visto revistas e filmes pornográficos? Faço ou aprovo o sexo sem o matrimônio ou fora do matrimônio? Acaso me divirto observando na rua o corpo das pessoas, e fazendo gracejos com elas, ou em conversas indecentes sobre as pessoas que passam? Tenho me vestido de maneira sensual? Provoquei os outros com meu comportamento? Fiz intriga para acabar namoros ou casamentos que eu não aprovava, ou cobiçava? Aprovo a prostituição? Sou promíscuo? Zombei da virgindade de alguém? Me envergonhei da minha virgindade, rejeitando-a?

· 7º Não roubar; e 10º Não cobiçar as coisas alheias:
Prejudiquei alguém ou tive desejo de prejudicar, enganando no troco, nos pesos e nas medidas, ou roubando? Fiz dívidas desnecessárias à subsistência? Paguei as minhas dívidas? Comprei bebidas ou cigarros a fiado, sem ter como pagar? Gastei meu salário com outras coisas, faltando em casa para a comida? Recusei a dar esmolas, nem que seja de comida? Deixei de devolver algo que não me pertence? Paguei com justiça os meus empregados?
Tive inveja das coisas que os outros conseguiram?

· 8º Não levantar falso testemunho:
Falei mal dos outros pelas costas? Fui fiel à verdade ao comentar acontecimentos passados? Exagerei ou inventei qualidades para ganhar um emprego ou subir no emprego? Prejudiquei alguém com minhas palavras? Fiz alguém perder o emprego? Fiz juízo errado das pessoas? Duvidei da honestidade de alguém? Acusei algum mendigo ou pedinte de desonestidade? Revelei faltas ocultas dos outros? Ridicularizei ou humilhei alguém na frente dos outros? Fui fingido? Menti sobre algum assunto ou sobre alguém – a conhecida mentira social?


- Agora vamos ficar alguns instantes em silêncio.
Examine sua consciência e veja se você se esqueceu de alguma coisa.

(pausa)


- Nesse momento arrependa-se de ter pecado contra Deus, que te ama e que sempre está com você.
Fale à Jesus do seu arrependimento e se comprometa a não pecar mais.

(pausa)


5 – Ato de contrição

Rezemos agora o Ato de Contrição:

Meu Deus, eu me arrependo, de todo coração de todos meus pecados e os detesto, porque pecando não só mereci as penas que justamente estabelecestes, mas principalmente porque Vos ofendi a Vós, sumo bem e digno de ser amado sobre todas as coisas. Por isso, proponho firmemente, com a ajuda da vossa graça, não mais pecar e fugir das ocasiões próximas de pecar. Amém.

Salmo 50 – Miserere

Tende piedade, ó meu Deus, misericórdia!
Na imensidão de vosso amor, purificai-me!
Lavai-me todo inteiro do pecado,
e apagai completamente a minha culpa!

Eu reconheço toda a minha iniquidade,
o meu pecado está sempre à minha frente.
Foi contra vós, só contra vós, que eu pequei,
e pratiquei o que é mau aos vossos olhos!

Mostrais assim quanto sois justo na sentença,
e quanto é reto o julgamento que fazeis.
Vede, Senhor, que eu nasci na iniquidade
e pecador já minha mãe me concebeu.

Mas vós amais os corações que são sinceros,
na intimidade me ensinais sabedoria.
Aspergi-me e serei puro do pecado,
e mais branco do que a neve ficarei.

Fazei-me ouvir cantos de festa e de alegria,
e exultarão estes meus ossos que esmagastes.
Desviai o vosso olhar dos meus pecados
e apagai todas as minhas transgressões!

Criai em mim um coração que seja puro,
dai-me de novo um espírito decidido.
Ó Senhor, não me afasteis de vossa face,
nem retireis de mim o vosso Santo Espírito!

Dai-me de novo a alegria de ser salvo
e confirmai-me com espírito generoso!
Ensinarei vosso caminho aos pecadores,
e para vós se voltarão os transviados.

Da morte como pena, libertai-me,
e minha língua exaltará vossa justiça!
Abri meus lábios, ó Senhor, para cantar,
e minha boca anunciará vosso louvor!

Pois não são de vosso agrado os sacrifícios,
e, se oferto um holocausto, o rejeitais.
Meu sacrifício é minha alma penitente,
não desprezeis um coração arrependido!

Sede benigno com Sião, por vossa graça,
reconstruí Jerusalém e os seus muros!
E aceitareis o verdadeiro sacrifício, *
os holocaustos e oblações em vosso altar!



6 – Súplica

Deus todo poderoso tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna… Amém.


7 – Penitência

Agora chegou a hora da penitência.
Se você prejudicou uma pessoa será preciso reparar o erro.
Se você pegou algo que não era seu será preciso devolver.
Enfim será preciso reparar as faltas contra os outros que você cometeu. Peça ao Espírito Santo e ao seu Anjo da Guarda que lhe mostrem o que você precisa fazer para reparar esses danos.

Vamos rezar 1 Ave Maria e 1 Pai Nosso na intenção de todos que ofendemos e pelas Almas do Purgatório.

Ave Maria…
Pai Nosso…


8 – Agradecimento

Na alegria de sermos perdoados vamos rezar o Salmo 29

Eu vos exaltarei, Senhor, porque me livrastes.
Senhor, meu Deus, clamei a vós e fui curado,

Senhor, minha alma foi tirada por vós da habitação dos mortos, dentre os que descem para o túmulo vós me salvastes!

Ó vós, fiéis do Senhor, cantai a sua glória; dai graças ao seu Santo Nome.
Porque a sua ira dura apenas um momento, enquanto sua benevolência é para toda a vida. Pela tarde vem o pranto, mas de manhã retorna a alegria.

Vós convertestes o meu pranto em prazer, tirastes meus farrapos de penitência e me destes roupas de festa.
Assim, minha alma vos louvará sem calar jamais. Senhor, meu Deus, eu vos bendirei eternamente.


9 – Benção final

Que o Senhor nos abençoe e nos guarde, Amém
Que ele volte Sua Face para nós e se compadeça de nós Amém.
Que Ele lance sobre nós a Sua santa benção, Amém.

Pela intercessão de Nossa Senhora abençoe-nos o Deus Todo Poderoso, Pai, Filho e Espírito Santo.

Glorifiquemos o Senhor com nossas vidas.
Vamos em paz e que o Senhor nos acompanhe, Amém.



Comentários

  1. Muito bom Prof Emílio essa oração de perdão espiritual, creio que vai ajudar a todos nós, nos momentos que não podermos confessar com o Padre, Deus abençoe todos vocês e nossa Senhora de Fátima ilumine sempre !

    ResponderExcluir
  2. Muito bom Prof Emílio essa oração de perdão espiritual, creio que vai ajudar a todos nós, nos momentos que não podermos confessar com o Padre, Deus abençoe todos vocês e nossa Senhora de Fátima ilumine sempre !

    ResponderExcluir
  3. Muito boa essa essa oração de confissão espiritual Prof Emílio, vai ajudar a todos nós quando não podermos confessar com o Padre, Deus abençoe sua vida, seu apostolado e Nossa Senhora de Fátima ilumine todos vocês !

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Todos os comentários passam pela moderação do site antes de serem publicados.